sexta-feira, 24 de janeiro de 2014

"Um pequeno olhar sobre Portugal" no Ouro de Tolo

20131209_203540




"O céu estava azul. Não um azul habitual aos meus olhos. Não o azul do céu azul inconfundível do Rio de Janeiro que vi, novamente, ao desembarcar no Galeão 30 dias depois. E o azul e sol do céu de lá enganavam: fazia frio. Muito frio.

Pela primeira vez, visitava a terra dos meus pais. Ser brasileiro e filho de portugueses, meu caso e de tantos outros, é carregar a eterna sensação de pertencimento a dois mundos completamente distintos e umbilicalmente ligados.

Estava na estação de trem havia dez minutos. Um turista, em Lisboa, tentando, em vão, passar despercebido. Por lá havia uma semana, tentava mimetizar certos comportamentos. Às vezes, porém, o olhar se perdia em tantas cores, tantas coisas, tantas gentes. [...]"

O texto integral está disponível no Ouro de Tolo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário