segunda-feira, 28 de outubro de 2013

Blog do Otto



"Pra começar, faria várias alterações no leilão de segunda-feira. Qual seria a estratégia correta? Deveriam ter chamado uns jogadores pra cuidar do cerimonial. Haveria umas gostosas andando pelo local, cerveja gelada, uma carne pós-sal na brasa (desculpem o trocadilho infame, não resisti) e um grupo de pagode animando a galera. A verdade gritante, amigos, é que tem dia em que se precisa da Glorinha Kalil; noutros, do Vampeta."



O texto é meu e do Vitor Knijnik para o Blogs do Além. A versão completa está disponível na edição impressa da Carta Capital ou aqui.

Nenhum comentário:

Postar um comentário