quarta-feira, 3 de outubro de 2012

Dramaturgias Urgentes: textos disponíveis


Maço de Cigarros
Escrito por Rafael Cal

Uma mulher, bem velha, está sentada em uma cadeira velha na varanda de uma casa velha cercada por um muro de pedra. Ao mesmo tempo, um carteiro entrega cartas nas casas próximas.
Depois de entregar as cartas em outras casas, o CARTEIRO para na calçada, em frente à varanda da casa da VELHA.

CARTEIRO: Oi.
VELHA: Olá.
CARTEIRO: Tudo bem?
VELHA: Cartas?

Pequena pausa.

CARTEIRO: Cartas?
VELHA: Aqueles envelopes que as pessoas ou instituições enviam umas pras outras pelo correio.
CARTEIRO: Pelo correio?
VELHA: Isso, aquela instituição responsável pelo envio e distribuição de correspondências, encomendas. Cartas, popularmente falando.

Pequena pausa.

VELHA: O senhor entende que é o carteiro, não?
CARTEIRO: Ah, sim. Sim, senhora.
VELHA: Então, tentemos mais uma vez. Agora, de maneira mais didática: o senhor, enquanto carteiro, homem responsável pelas entregas dos correios, tem alguma carta pra mim?

[continua]

___________________________________________________



Os textos selecionados no segundo módulo do projeto Dramaturgias Urgentes já estão disponíveis. Entre eles, está o meu "Maço de cigarros". 

Vai lá ler!

Nenhum comentário:

Postar um comentário